Skip to content

Moonwalker

25/06/2010

Exatamente um ano atrás, perdíamos Michael Jackson, o Rei do Pop. Gênio, exímio dançarino, excêntrico, monstro… quem era Michael? Talvez tudo isso? Seja como for, aproveitamos para homenageá-lo falando de seu filme dos anos 80, Moonwalker.

Moonwalker – por Lucas Veloso

Feito no auge de sua popularidade, Moonwalker acabou se tornando, como tudo que envolve Michael Jackson, um fenômeno multimídia, gerando também um bem-sucedido jogo de Mega Drive e arcades que todo mundo que foi moleque na época se lembra até hoje. O filme, em si, é uma colagem de curtas-metragens que incluem uma retrospectiva da carreira de Michael até então, um stop-motion em que ele se transforma em coelho, uma versão mirim de Bad, um videoclipe para “Leave me Alone” e por fim, a atração principal, uma estória em que Michael deve resgatar três crianças de rua (uma delas é interpretada pelo filho de John Lennon, Sean) de um traficante, papel de Joe Pesci. Essa parte é a mais interessante, e traz loucuras visuais que piraram a molecada que assistiu na época. Dentre elas, Michael se transformando em robô e carro voador (o sujeito gostava mesmo de se transformar, que isso!), e uma dança no clube de mafiosos, estilo anos 30, ao som de “Smooth Criminal”. O filme todo é Michael em sua melhor forma, e imediatamente antes de todas as acusações de pedofilia e a fase musical “morna” que marcaram o declínio de sua carreira. Vale demais ser conferido.

Confira o trailer do filme:

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: