Skip to content

ESPECIAL Predador

24/07/2010

Hoje, falamos de outra das séries mais queridas da ficção científica… PREDADOR!!! Por Lucas Veloso.

Predador

Um grupo de mercenários segue para uma missão secreta na Guatemala. Só que eles acabam entrando na mira de um caçador alienígena, que usa o calor para caçar suas vítimas. Predador é uma tentativa de combinar e capitalizar sobre dois grandes sucessos dos anos 80: Rambo e Aliens. Não é muito mais do que isso, mesmo. E se não fosse a presença magistral de Arnold Schwarzenegger, pode ser que nem ficasse muito famoso, indo parar direto na seção de “filmes B”. O filme mantém o Predador oculto na maioria do filme (devido a seu aparato para se mesclar com o ambiente e ficar “invisível”), o que cria uma certa tensão. No final, o monstro se revela por inteiro, e com ele, o excelente design de criatura dos estúdios de Stan Winston, e enfrenta Arnold num combate antológico. Pra ser sincero, acho esse filme importante pois foi o que introduziu o personagem do Predador, mas não gosto muito do filme em si. As frases de efeito vão se enfileirando, e a ambientação na floresta acaba ficando meio cansativa e repetitiva. Salva-se, como disse, a figura do Predador, e a impactante trilha sonora de Alan Silvestri.

Predador 2 – A Caçada Continua

Danny Glover assume o papel do inimigo (ou caça?) do Predador na continuação, como um detetive durão, e o filme melhora sensivelmente ao passar pra selva de pedra: Los Angeles. Vemos mais do Predador, e um pouco mais da “mitologia” do personagem é desenvolvida (vemos mais aparatos de caça, o código de honra, e vamos parar dentro de uma nave espacial). Há mais violência, como pede a cartilha de filmes de ação dos anos 80/90, e temos bons coadjuvantes, como Bill Paxton e Gary Busey. Um filme muito mais dinâmico e interessante que seu antecessor, embora não seja esse o consenso da crítica e mesmo dos fãs. Para mim, pelo menos, esse é o filme definitivo do Predador, por mostrar mais facetas do monstro e por ter uma ação mais empolgante ao longo do filme.

Predadores

E eis que vários anos e”AvPs” depois, fazem um novo filme “de raíz” do Predador. E com produção de Robert Rodriguez! O filme, na verdade, é quase uma reimaginação do primeiro Predador: basicamente um grupo de mercenários no meio da selva. Mas dessa vez, uma reviravolta: eles foram trazidos deliberadamente pelos caras-de-siri para seu próprio planeta-safári para serem caçados. O elenco é bom: Adrien Brody, Alice Braga, Laurence Fishburne, Topher Grace, Danny Trejo, entre outros… nada mal para um filme “de monstro”. Surgem predadores com novo visual também, mas fora isso, o filme não traz muitas novidades pra fórmula. Traz um bocado de easter eggs para os fãs, mas é isso. É divertido ver Fishburne meio que evocando um Marlon Brando em Apocalypse Now, filme do qual também participou, e bacana ver o compositor John Debney prestando homenagem à trilha original (OK que rolou meio que um ctrl+c, crtl+v, mas tudo bem, funciona). Não vai revolucionar a saga, mas é um filme divertido, e que faz jus à mesma.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: