Skip to content

Minority Report

10/08/2010

Minority Report – por Lucas Veloso

A parceria Spielberg e Tom Cruise parecia promissora… e foi! Ainda mais se baseando num conto de Phillip K. Dick (Blade Runner e Vingador do Futuro). A premissa: No futuro, os crimes podem ser previstos e impedidos antes que aconteçam. Tudo corre bem, até que o chefão da divisão Pré-Crime, John Anderton (Tom Cruise) acaba acusado, e agora, mesmo sem entender como vai cometer um crime sem ter a intenção de fazê-lo, vai correr contra o relógio para solucionar o caso. O que temos aqui é Spielberg em sua melhor forma: trama intrigante, ação de qualidade, truques de câmera criativos, efeitos especiais viajantes e bem-executados. O filme consegue ser cerebral sem ser chato, cheio de ação sem ser bobo. E com coadjuvantes como Colin Farell e Max Von Sydow, você sabe que o filme está em boas mãos. Temos algumas referências aqui e ali à obra de Dick, mas verdade seja dita, o crédito aqui vai para diretor, roteiristas e artistas (foi contratada uma equipe de “futurologistas”, para imaginar de forma realista e prática como seriam as armas e equipamentos do futuro próximo).

Assista sem medo. Nesse caso em específico, o futuro parece bem promissor.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: