Skip to content

ESPECIAL Alien vs Predador

01/09/2010

OK, você leu os especiais do Alien… depois, do Predador. Nada mais justo do que um especial dos filmes em conjunto das duas espécies… com vocês, ESPECIAL AvP!!!

Alien vs Predador (ou “Avp”) – por Lucas Veloso

O filme promove o encontro entre as duas espécies de alienígenas mais famosas da ficção moderna, mostrando uma equipe que vai para a Antártida investigar uma pirâmide subterrânea, e claro que entrarão no meio de um combate entre Aliens e Predadores… isso tudo vocês já sabem (ou deduziram).

O diretor Paul Anderson, como fã das duas franquias, criou um filme que respeita a cronologia original mas também cria a sua própria sem maiores ligações. Vale lembrar que os originais são os originais, e nem de longe esse filme pode tentar competir com eles. Portanto, deve-se considerá-lo uma espécie de “spin off” e não uma continuação das histórias. Os detalhes só para fãs estão lá: a 1a tomada do satélite tem o formato da Alien Rainha e “Bishop” Weyland brincando com a caneta na mesa te faz lembrar da famosa cena em Aliens o Resgate em que Bishop andróide aterroriza Bill Paxton com o mesmo truque.

O filme demora a engrenar ao tentar desenvolver uma atmosfera à la “O resgate” com explicação + preparação + Vamos nos ferrar. Quando os bichões aparecem, o pau quebra mesmo, e não é comédia igual Freddy vs Jason, é um confronto de verdade. A parceria Predador/humano não foi vista com bons olhos pela galera, mas vale lembrar o código de honra dos Predadores, que embora distorcido, existe. Na minha opinião, o monstrão viu na exploradora Lex uma guerreira de valor e se sentiu honrado em lutar a seu lado. Talvez tenham forçado um pouco, mas não me incomodou tanto. O que incomodou foi o insistente gráfico da pirâmide 3D, mostrando onde os personagens estavam, recurso usado diversas vezes durante o filme, que Anderson já tinha usado em sua adaptação de “Resident Evil” e que só aproxima a aventura mais dos videogames do que do cinema.

A luta final foi legal, mas a melhor foi a primeira mesmo. A opção pelos velhos e bons animatronics ao invés de CGI é muitíssimo bem-vinda, e mostra uma vontade de respeitar os filmes originais. Melhor assistido como uma aventura à parte, pois como disse, se colocada junto aos filmes originais (de ambas franquias), não faz frente.

Alien vs Predador (ou “Avp”) – por Pedro Sampaio

O filme exagerou e muito nos clichês. Desde o comecinho do filme comentei isso. E não foi por chatura. Começaram a aparecer mais e mais coisas ridículas mas eu resolvi tolerar. Até mesmo comentei com meu amigo Rafael que não deveríamos julgar o filme, que deveríamos ignorar esse problemas e e tentar curtir o resto do filme.

Mas no final do filme, chegaram ao cúmulo, e isso me pertubou. A cena do predador fugindo da pirâmide com a mulher e a pirâmide explodindo enquanto ele correm dramaticamente com o fogo atrás…foi demais pra mim. Fora os vários outros excessos e clichês dignos de uma sátira de Tarantino em Kill Bill. Pulam da ponte e os pedaços começam a cair… quando a heroína vai cair para a morte… lá está a mão do predador que segura ela!! (meeeu herói!!). Ainda chegam a repetir algo muito similar e igualmente ridículo. No final do filme eles correm, fugindo do chão que cai (gelo indo pro saco). Eles saltam (novamente..) e param BEM na parte onde o gelo pára de cair. Claro, como sempre.

O filme tem vários outros. A própia forma de reunir os humanos ao local (grupo tem de ir em algo perigoso – procuram um especialista- ela não quer mas vai para ajudá-los – etc etc..). Tem vários déja vus de Limite Vertical também.

O filme proporciona alguns momentos cômicos não-intencionais também como a esperada cena do beijo entre o predador e a heroína (devia ter acontecido… ao menos já escrachariam tudo) e o filhote de alien que mais parece uma… bem.. um orgão genital feminino. Não precisa nem falar da ultilização dos slow motions ao estilo Matrix. Já cansaram a ponto de estarem usando até nas olimpíadas.

Mas o filme não é dos piores que eu já vi. Tem ao menos uma cena empolgante. Dei muita moral pra 1a batalha entre alien e predador. Muito boa. Vocês nunca irão ouvir eu dizer isso novamente , mas faltou porrada no filme. E faltou mesmo. Pouco me importa o romance inter-espacial entre eles.

Aliens vs Predador 2 (ou “AvP Requiem”) – por Lucas Veloso

Dessa vez, e pela primeira vez na história da franquia, os Aliens vêm parar na Terra. E os Predadores (que já passaram aqui), vêm atrás para caçar. Na verdade, um Predador só. A cidade felizarda (?) a receber os convidados é Gunnison, Colorado. E dá-lhe muitas mortes nojentas com ácido, lâminas, tiros, e mais ácido. Em termos técnicos, a série continua bem, com bons efeitos animatrônicos para os Aliens, e boa maquiagem para o Predador. O problema, e eu sei que isso é algo que minha mãe reclamaria, mas… o filme é MUITO ESCURO!!! Muito mesmo… do tipo, o diretor de fotografia folgou durante 80% das filmagens. Mal dá pra ver os contornos dos monstros lutando no escuro, o que tira MUITO da graça do filme. Claro que se o roteiro fosse ao menos interessante (porque “bom” nesse tipo de filme é pedir muito), dava pra relevar. Mas o roteiro é tão ruim que fica até no caminho da pancadaria, o que é fatal para um filme cujo único apelo é esse. Dava pra ter saído melhor… do jeito que está, era melhor ter ido jogar o videogame mesmo.

O LEGADO AvP EM OUTRAS MÍDIAS

Apesar de tanto Alien quanto Predador serem advindos do cinema, você sabia que a franquia Alien vs Predador foi criada nos quadrinhos? Pois é, tudo crédito da editora Dark Horse, que possuía os direitos para fazer HQs de ambos. Então, nada mais lógico e destruidor do que juntar os dois, certo? E a Fox, dona dos bichões, pelo visto gostou tanto da ideia que a replicou em outras mídias também: desde games, passando por bonecos, card games e por fim, os tão esperados filmes. É bem verdade que os filmes decepcionaram muita gente, e o maior produto relacionado a AvP são os games, cada vez mais populares e bem-feitos. Seja na mídia que for, ainda vai rolar muito sangue verde e/ou ácido na batalha entre esses dois.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: