Skip to content

Os Miseráveis

22/03/2012

Os Miseráveis – por Lucas Veloso

Baseado no romance de Victor Hugo, que inspirou também um musical (não consigo nem começar a imaginar essa estória como musical, mas enfim). Jean Valjean (Liam Neeson) é um ladrão que recebe uma segunda chance, com a condição de que mudará de vida. E de fato ele muda: acaba se tornando o prefeito de uma cidadezinha francesa. Porém, quando um novo inspetor de polícia (Geoffrey Rush) chega à cidade, ele pensa reconhecer Valjean de seus tempos de criminoso, e agora tentará de tudo para expô-lo e prendê-lo. A perseguição acirrada por parte do inspetor e a indiferença de Valjean, que só quer levar uma vida pacífica, tomam grande parte do filme, mas não é nem de longe o único conflito do filme. Há também o drama da operária doente (Uma Thurman), que só quer rever sua filha, que mora em outra cidade. Filha essa que crescerá e se tornará a bela e inocente Cosette (Claire Danes). Um filme com excelente fotografia e recriação de época, e com certeza, muita miséria também (o título não é propaganda enganosa). Mas sua mensagem é, definitivamente, de esperança. Valjean é um homem arrependido, de caráter reformado e temente a Deus, e mesmo passando por diversas dificuldades, não volta à vida antiga e fácil de roubos. Ótima atuação de Liam Neeson, que comanda o filme, acompanhado do bom elenco. Um filme sóbrio e inspirador, motivacional, até. Definitivamente merece ser descoberto (ou redescoberto, se for o caso).

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: