Skip to content

Para Roma Com Amor

03/07/2012

Para Roma Com Amor – por Daniel Mazzochi

Eu sou daqueles que aguarda ansioso pelo “Woody Allen” do ano. Qual será a crítica da vez? Qual cidade? Qual bizarrice? Qual trecho brilhante de diálogo? Qual atuação impecável e fora do comum de um ator comum? E a pior pergunta… Será uma escorregada ou um “Meia-Noite em Paris”? Dói… mas não deu. A única coisa mais correta do que dizer que W. Allen é brilhante… é chamá-lo de inconstante. Eu me esforcei, mas “Para Roma com Amor”, apesar de ter bons momentos, não mereceu nem de longe um grito de “Bravo!”. Ao assistir um W. Allen, você espera imediatamente por uma visão que incorpora belíssimos cenários misturados a personagens que se constroem tão interessantes, que não permitem a existência de UM protagonista, mas um casting que visita a fábula, mas questiona o comportamento humano. Não é esse o caso. Ou até é…só que não convence. A crítica existe, a polêmica esta ali em entrelinhas que mais parecem títulos. Mas falta a química. Falta o entrosamento. Falta encher de volta o saleiro gasto em “Meia noite em Paris”. O filme parece um seriado tolo da Warner misturado com apresentadores ainda mais tolos do Travel and Living. Mostra uma Itália caricata, que já estamos cansados de conhecer em imitações baratas. É como visitar Portugal e procurar pelo padeiro Manoel. A trilha inicial incomoda e se torna cansativa de tão explorada. Vou evitar até falar sobre “Volare”. E se fosse no Brasil? Usaria “Aquarela”? E cadê os belos cenários?? Cadê aquele feeling usado para desbravar NY?? Cartão postal não é sua marca, Woody. Você é o lado b dos correios e é isso que esperamos. Não consigo salvar uma atuação que seja digna de comentar…talvez, apenas a do próprio Mr. Allen, que traz de volta sua velha receita em seu velho personagem, com um timing cômico e intelectual que só ele tem. E talvez por isso, tenha conseguido trazer um brilho também para seu cantor de ópera. Mas é só. Sofro por te criticar, assim como sofro pra falar do Tim Burton. Talvez, por isso, tenha evitado um texto pra “Sombras da Noite”. Mas nesse, não deu. Pô, Woody…logo na Itália?

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: