Skip to content

Cine Papos: Daí o Filme Vai e Faz 800 Milhões… e é um Fracasso?!

23/05/2016

bvsmoney

Precisamos falar de uma nova tendência em Hollywood que já está dando o que falar e que é totalmente ridícula… e para ilustrar o que estou falando, vou usar o exemplo mais recente: Batman X Superman: A Origem da Justiça. OK, BvS foi uma das maiores apostas em termos de filmes-blockbuster desse ano, e o filme que ditaria o futuro do universo cinematográfico da DC, que depois de uns tropeços, está alguns passos atrás da concorrente Marvel, que por sua vez já conta com mais de 10 filmes de sucesso com seus personagens no currículo. O orçamento oficial do filme foi de 250 milhões de dólares (alguns afirmam que o valor real de produção foi bem maior que isso), e depois de estrear com uma boa abertura, logo caiu, sem dúvida fruto das críticas (não vindouras deste blog: Adorei o filme). No momento, após quase dois meses em cartaz, o filme conta com cerca de 870 milhões de dólares em bilheteria no mundo inteiro. Comparativamente, “Guerra Civil”, da rival Marvel, com menos de um mês de cartaz, já ultrapassou a barreira de 1 bilhão mundialmente. OK, sem dúvida a Marvel levou esse round. Agora, o que me incomoda é o tanto de artigos na internet dizendo que BvS é um “fracasso”, que o estúdio está desapontado, e que possivelmente vão rever as estratégias para o futuro da DC no cinema, a ponto de cogitar até afastar o diretor Zack Snyder, diretor de BvS e “Homem de Aço”, que deu início a essa nova geração da DC no cinema. Pô! Um fracasso de 800 milhões de dólares?! Que isso, galera! Que loucura desmedida é essa! Onde já se viu isso? Só a frase já é ridícula! Bem que eu gostaria de fracassar arrecadando 800 milhões! Como assim? Agora claro, não sou nenhum novato, sei bem como a indústria funciona já há alguns anos: sei que existem questões maiores envolvidas, como por exemplo: com gastos em marketing que às vezes superam o orçamento do próprio filme, uma obra só começa a dar lucro depois que faz pelo menos 3 vezes o seu valor nas bilheterias. Além disso, os estúdios obviamente querem ganhar o máximo de dinheiro possível (quem não quer?), e não costumam tolerar prejuízo, mínimo que seja. Mas temos que observar em que essa indústria está se transformando, se você abocanha uma grana preta dessas e ainda assim não é o bastante. Lembrando que vivemos numa época em que há várias outras distrações além do cinema, sendo um milagre que as pessoas ainda vão aos multiplexes, e que mesmo no cinema, existem outros filmes que ficariam felizes com uma bilheteria de um quarto desse valor. Será que os executivos precisam reavaliar seu conceito de sucesso? Será que precisam gastar menos nos filmes para poderem colher lucros maiores? Será que devem continuar a irritante moda de fazer (ou converter) todos os novos filmes em 3D, para poderem cobrar um ingresso mais caro? Não finjo saber a resposta, agora me dói ver artigos falando que 800 milhões de freaking dólares não é o bastante (contexto que se exploda), ou ver equipes criativas sendo mudadas totalmente, ideias boas sendo descartadas em favor de outras, como se o filme tivesse sido uma bomba, quando na verdade foi bem aceitável e seria desejável ver o que viria por aí. A experiência toda de fazer um filme ficou muito formulaica, com sessões-teste para plateias fechadas a fim de determinar se o filme está agradando o suficiente, nos lembrando o tempo todo de que o que consumimos ali é um produto, e deixando a imaginação com mais dificuldade para funcionar. Fábrica de sonhos? Que nada, meu amigo. Toma aqui seu McFilme Feliz Padronizado, com código de barras, e é melhor falar bem dele pros seus amigos, porque se não fizer no mínimo 1 bilhão, nem nos daremos ao trabalho de lhe preparar outro.

Texto de Lucas Veloso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: